TRADUTOR DO BLOG

Amigo seja meu também!

sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

REVENDO PRINCÍPIOS E RECONSTRUINDO AS PORTAS.

Amigos venho aqui demonstrar meu eterno carinho, por vocês que ao longo do tempo vem acompanhado o meu ministério por intermédio deste blog, louvo a Deus por suas vidas e oro sempre para que Deus os use para divulgar meu ministério vocês tem galardão por estarem sempre por aqui. Obrigado em nome de Jesus.
Com a luz da palavra rever princípios é estar sempre  ocupado em avaliar-se por ela que é o mapa viajor de cada cristão. Temos na bíblia vários exemplos que nos impulsionam a fazer sempre a escolha certa, e fazer a escolha certa é ser orientado pelo Espírito Santo pelo poder da palavra guardado no coração para não pecar contra o Senhor, como nos ensina o Salmos  ¶ Escondi a tua palavra no meu coração, para eu não pecar contra ti. Salmos 119:11, e também Salmos ¶ Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores.
Antes tem o seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e de noite.
Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará. Salmos 1:1-3, tudo isso nos valera para que reconstruamos as portas que foram abertas em nossas vidas que por ação ou descuidos ocasionados pelo viver neste mundo, aprendemos então com Neemias que ativou nos corações do povo o desejo de reconstrução e assim fizeram cada tribo tinha um objetivo para concluir a reconstrução dos murros e das portas pois o compromisso assumido de cada família reconstruindo sua porta que iria sustentar o murro, assim teremos de realizar todos os dias que o Senhor nos dá pra viver sobre a terra, vejamos na Bíblia como isso aconteceu, em Neemias 1 ¶ E levantou-se Eliasibe, o sumo sacerdote, com os seus irmãos, os sacerdotes, e reedificaram a porta do gado, a qual consagraram; e levantaram as suas portas, e até à torre de Meá consagraram, e até à torre de Hananel.
2 E junto a ele edificaram os homens de Jericó; também ao seu lado edificou Zacur, filho de Imri.
3 E à porta do peixe edificaram os filhos de Hassenaá; a qual emadeiraram, e levantaram as suas portas com as suas fechaduras e os seus ferrolhos.
4 E ao seu lado reparou Meremote, filho de Urias, o filho de Coz; e ao seu lado reparou Mesulão, filho de Berequias, o filho de Mesezabeel; e ao seu lado reparou Zadoque, filho de Baana.
5 E ao seu lado repararam os tecoítas; porém os seus nobres não submeteram a cerviz ao serviço de seu Senhor.
6 E a porta velha repararam-na Joiada, filho de Paséia, e Mesulão, filho de Besodias; estes a emadeiraram, e levantaram as suas portas com as suas fechaduras e os seus ferrolhos.
7 E ao seu lado repararam Melatias, o gibeonita, e Jadom, meronotita, homens de Gibeom e Mizpá, que pertenciam ao domínio do governador dalém do rio.
8 Ao seu lado reparou Uziel, filho de Haraías, um dos ourives; e ao seu lado reparou Hananias, filho de um dos boticários; e fortificaram a Jerusalém até ao muro largo.
9 E ao seu lado reparou Refaías, filho de Hur, líder da metade de Jerusalém.
10 E ao seu lado reparou Jedaías, filho de Harumafe, e defronte de sua casa e ao seu lado reparou Hatus, filho de Hasabnéias.
11 A outra porção reparou Malquias, filho de Harim, e Hasube, filho de Paate-Moabe; como também a torre dos fornos.
12 E ao seu lado reparou Salum, filho de Haloés, líder da outra meia parte de Jerusalém, ele e suas filhas.
13 A porta do vale reparou-a Hanum e os moradores de Zanoa; estes a edificaram, e lhe levantaram as portas com as suas fechaduras e os seus ferrolhos, como também mil côvados do muro, até a porta do monturo.
14 E a porta do monturo reparou-a Malquias, filho de Recabe, líder do distrito de Bete-Haquerém; este a edificou, e lhe levantou as portas com as suas fechaduras e os seus ferrolhos.
15 E a porta da fonte reparou-a Salum, filho de Col-Hoze, líder do distrito de Mizpá; este a edificou, e a cobriu, e lhe levantou as portas com as suas fechaduras e os seus ferrolhos, como também o muro do tanque de Hasselá, ao pé do jardim do rei, e até aos degraus que descem da cidade de Davi.
16 Depois dele edificou Neemias, filho de Azbuque, líder da metade de Bete-Zur, até defronte dos sepulcros de Davi, até ao tanque artificial e até à casa dos valentes.
17 Depois dele repararam os levitas, Reum, filho de Bani; ao seu lado reparou Hasabias, líder da metade de Queila, no seu distrito.
18 Depois dele repararam seus irmãos, Bavai, filho de Henadade, líder da outra meia parte de Queila.
19 Ao seu lado reparou Ezer, filho de Jesuá, líder de Mizpá, outra porção, defronte da subida à casa das armas, à esquina.
20 Depois dele reparou com grande ardor Baruque, filho de Zabai, outra medida, desde a esquina até à porta da casa de Eliasibe, o sumo sacerdote.
21 Depois dele reparou Meremote, filho de Urias, o filho de Coz, outra porção, desde a porta da casa de Eliasibe, até à extremidade da casa de Eliasibe.
22 E depois dele repararam os sacerdotes que habitavam na campina.
23 Depois reparou Benjamim e Hasube, defronte da sua casa; depois dele reparou Azarias, filho de Maaséias, o filho de Ananias, junto à sua casa.
24 Depois dele reparou Binui, filho de Henadade, outra porção, desde a casa de Azarias até à esquina, e até ao canto.
25 Palal, filho de Uzai, reparou defronte da esquina, e a torre que sai da casa real superior, que está junto ao pátio da prisão; depois dele Pedaías, filho de Parós.
26 E os servidores do templo que habitavam em Ofel, até defronte da porta das águas, para o oriente, e até à torre alta.
27 Depois repararam os tecoítas outra porção, defronte da torre grande e alta, e até ao muro de Ofel.
28 Desde acima da porta dos cavalos repararam os sacerdotes, cada um defronte da sua casa.
29 Depois deles reparou Zadoque, filho de Imer, defronte da sua casa; e depois dele reparou Semaías, filho de Secanias, guarda da porta oriental.
30 Depois dele reparou Hananias, filho de Selemias, e Hanum, filho de Zalafe, o sexto, outra porção; depois dele reparou Mesulão, filho de Berequias, defronte da sua câmara.
31 Depois dele reparou Malquias, filho de um ourives, até à casa dos servidores do templo e mercadores, defronte da porta de Mifcade, e até à câmara do canto.
32 E entre a câmara do canto e a porta do gado, repararam os ourives e os mercadores. 
Assim devemos cumprir com nossas obrigações como cristão que somos e refletir a luz de Cristo porque somos sua imagem e semelhança e CRISTO é a porta principal a PORTA DAS OVELHAS Ele mesmo se enunciou sendo a porta dizendo eu Sou a Porta como nos revela a Bíblia Sagrada em Tornou, pois, Jesus a dizer-lhes: Em verdade, em verdade vos digo que eu sou a porta das ovelhas. João 10:7. Assim pois sendo vamos entrar pela porta que tem medida ja determinada E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem. Mateus 7:14. Com medidas sobrando não consegue entrar tem que estar na medida espiritual certa. Deus nos ajude porque o dia do Senhor está próximo. 

quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

ANDANDO EM MEIO AO VENTO

NA VIDA TEMOS ALGUNS PERCURSOS A FAZER, MAS NEM SEMPRE ENTRAMOS POR CAMINHOS ESTABELECIDOS DENTRO DOS CRITÉRIOS BÍBLICOS,
 POR ISSO DEVEMOS SEMPRE REVER OS CONCEITOS PRÉ ESTABELECIDOS NA LEI DIVINA. PARA QUE NOSSO CAMINHAR VENHA A SER DE SUMA IMPORTÂNCIA E DEIXAREMOS UM LEGADO PARA A GERAÇÃO FUTURA, QUE AGORA JÁ NOS CONTEMPLA.
VENCENDO E NÃO VENCIDOS,
ISTO QUE O APÓSTOLO PAULO NOS ENSINA QUANDO DISSE QUE TEMOS QUE VIVER EM NOVIDADE DE VIDA,
PARA ISSO DEVEMOS SEMPRE NOS RENOVAR NO SENHOR QUE REGE A VIDA,
O CRIADOR DEUS QUE FEZ TODAS AS COISAS. UM CERTO DIA JESUS DISSE PASSEMOS PARA O OUTRO LADO E OS DISCÍPULOS PARECE QUE NÃO ENTENDERAM A FORÇA DA PALAVRA PROFERIDA PELO MESTRE, MAS MESMO ASSIM ENTRARAM NO BARCO E COMEÇARAM A VIAGEM QUANDO DERREPENTE UM VENTO MUITO FORTE COMEÇOU A SOPRAR E O PANICO ENTÃO SUBIU AOS CORAÇÕES DAQUELES HOMENS QUE NO BARCO ESTAVAM MAS O MESTRE ESTAVA LÁ, MAS OS CORAÇÕES FICARAM INQUIETOS E COMEÇARAM ENTÃO UMA GUERRA DE SENTIMENTOS NO SEU INTERIOR. E FOI INEVITÁVEL NÃO ACORDAR O MESTRE QUE MINISTROU A BONANÇA E TUDO SE FEZ NORMAL NO MESMO INSTANTE,
MAS APRENDEMOS QUE HA MOMENTOS NA VIDA QUE PRECISAMOS USAR AS ARMAS QUE NOS FORAM PROPOSTAS, E PELA FÉ VENCEMOS, MAS HA MOMENTOS QUE PRECISAMOS ACORDAR O MESTRE, ISTO É CLAMAR PELO PODER DE SEU NOME, DIGO AQUI PORQUE EM MEIO AO VENTO TEMOS QUE CONFIAR NO SENHOR QUE É PODEROSO PRA NOS LIVRAR, PORQUE UMA PALAVRA FOI LIBERADA POR ELE, ESTAREI CONVOSCO TODOS OS DIAS ATÉ A CONSUMAÇÃO DOS SÉCULOS.
TUDO QUE QUER É EXERSAMOS A NOSSA FÉ, PORQUE A BÍBLIA NOS ENSINA O APOSTLO PAULO Porque nele se descobre a justiça de Deus de fé em fé, como está escrito: Mas o justo viverá pela fé.