sábado, 22 de dezembro de 2012

QUANDO DEUS AGE!


No proncipio era o verbo e o verbo era Deus, tudo do que foi feito sem Ele nada teria se formado, mas uma ocasião pra voce meomorizar que Deus é superior e onipotente, suficiente capaz para, fazer infinitamente mais por voce que é obra de suas mãos, Com uma atenção especial ao ser humano, Deus nos promete,
quando estamos enquadrados no projeto original, que é de sermos por excêlencia, adoradores de Deus, com exclusividade porque reconhecemos seu filho como único e sufiente salvador de nossas vida, sacrificio capaz de nos religar ao criador, cédula paga e cravada na cruz pelo preço que se exigia por nós, privilégio alcançado pra sempre e todos os dias exposto pra que quiser entrar pelo caminho, que se pronunciou da seguinte forma: EU SOU CAMINHO A VERDADE E A VIDA NINGUEM VAI AO PAI A NÃO SER POR MIM. Mesmo que as vezes pensamos que estamos sós Ele nunca falha, sempre estará presente ao nosso lado atravéz da pessoa bendita do Espírito Santo, que nos orienta.
Em nossas decisões quando o convidamos Ele sempre dará o destino apropriado e a direção certa para proseguimos o caminho traçado para nós. QUANDO DEUS AGE não consiguimos distinguir sua maneira, de trabalhar, mas atraves da ação do Espírito Santo recebemos a informação nescessária para compartilharmos tudo quanto Ele Faz por nós . http://http://pastorgeremiassantos.blogspot.com.br/.

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Lição 12 - Lições Bíblicas - CPAD - 4º trimestre 2012

NA RETA FINAL!


Tantas promessas recebemos, na vida umas pelos amigos e que nem sempre as cumprem, outras pelos politicos essas então dificilmente serão cumpridas, mas há varias promessas feitas pelo todo poderoso Deus, essas sim podemos confiar, pois Nele não ha sombra de variação e não é filho do homem para que se arrependa das coisas que faz, e deixa bastante claro em suas palavra inseridas na bíblia sagrada, quando se trata de suas palavras afimando ser Ele o caminho a verdade e a vida e niguem vai ao pai a não ser por Ele, e menciona tambem quando diz que a porta é estreita e apertado o caminha que leva aos Céus, e largo o que conduz a perdição eterna.
João capitulo quatorze nos revela a intenção de Cristo Jesus, quando diz que foi preparar lugar para todos quantos permanecerem firmes até o fim irá assentar-se ao lado de Dele a destra de Deus. Voce cre nisto ainda da tempo, não este tempo que esta sendo veinculado pelas paginas de relacionamentos no dia 21de Dezembro de 2012, mas o tempo predestinado por Deus para vir buscar um povo zeloso e de boas obras, estamos na RETA FINAL e voce tem tempo para se preparar hoje pois Deus te deu HOJE para viver, ao ler este artigo voce poderá decidir em aceita-lo como único e suficiente salvador de sua vida, é só declara-lo  e pedir que te limpe tudo quanto contraria a sua vontade em sua vida. 
Vivendo na RETA FINAL, quero te dizer que Jesus te amo muito e esse amor é incondicional, pois deu a sua vida por amor de ti, e isto esta declarado na bíblia em João capítulo tres e versículo de numero desseseis, que diz que PORQUE DEUS AMOU O MUNDO DE TAL MANEIRA QUE DEUS O SEU FILHO UNIGÊNITO, PARA QUE TODO AQUELE QUE NELE CRÊ NÃO PEREÇA MAS TENHA A VIDA ETERNA. Isso é pra você que aindo não o tem. 

sábado, 15 de dezembro de 2012

A esperança pela palavra


Carta de Paulo aos Colossences

 (1:1-8). Paulo escreve a esses santos intimamente, como a família. Ele é o irmão deles, entregando esta mensagem importante na graça e paz de Deus, o Pai deles (1:1-2).
Paulo e outros irmãos têm orado pelos colossenses desde o momento que ouviram da conversão deles (1:3-4). Paulo disse que a sua fé e amor são "por causa da esperança... preservada nos céus" (1:5). O evangelho ensina sobre a esperança celestial, e a resposta natural é fé e amor (Romanos 10:17; Gálatas 5:6; 1 João 4:9-11).
Quando Epafras ensinou o evangelho em Colossos, esses irmãos ouviram e entenderam a graça de Deus (1:6-8). A graça de Deus não é alguma misteriosa bênção reservada para poucas pessoas escolhidas, mas é revelada no evangelho para todos que ouvem e obedecem (veja Atos 20:32; Romanos 1:16-17; Tito 2:11-14). A graça de Deus já estava produzindo fruto entre os colossenses, bem como vinha fazendo no mundo inteiro (1:6).
Oração pela sabedoria (1:9-12). Embora que esses irmãos estivessem pro-duzindo fruto, Paulo sabia que corriam risco de serem induzidos abandonar a verdade (veja 2:8). Como santos de Deus, esses precisavam não somente receber o evangelho em verdade, mas também devem ficar firmes na verdade de Cristo, não se desviando (veja 2:6-7; Efésios 4:11-16; Gálatas 1:6-9; Judas 3). Paulo respondeu à necessidade deles com oração:
  • que transbordem de conhecimento da vontade de Deus (1:9). A vontade de Deus foi livremente revelada no evangelho (veja 1 Coríntios 2:6-13; Efésios 3:3-5). É o dever do cristão conhecer e viver de acordo com essa vontade (veja 1 Pedro 3:15). Paulo orou que esses recebessem "pleno conhecimento", edificando sobre o que já foi ensinado "em toda a sabedoria e entendimento espiritual". O evangelho não é uma revelação da sabedoria humana, mas a revelação da mente espiritual de Deus (veja 1 Coríntios 1:18-20; 2:1-13). Portanto, Paulo não ora por seu entendimento intelectual do evangelho, mas por um entendimento espiritual mais profundo.
a fim de viverem de modo digno do Senhor (1:10). Diferente da pessoa que tem apenas um entendimento intelectual do evangelho, aquela que o entende espiritual-mente terá uma vida transformada. Não é aquele que apenas conhece o evangelho, mas a pessoa que opratica que crescerá em discernimento espiritual para agradar ao Senhor (veja Efésios 5:10,17; Filipenses 1:9-10; Hebreus 5:13-14). O discernimento espiritual produzirá um povo que conhece o Senhor, produz o fruto de boas obras (veja Efésios 2:10), é fortalecido pelo poder dele, e que lhe agradece pela herança celestial

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Quando penso nunca escrevo!

Pra muita gente parece muito dificil imaginar, e quase sempre acontece, não estar atento as transformação ao redor, mas quando penso nunca escrevo; mais é muito relevante ao considerar que os maiores acontecimentos na vida de um ser humano se da quando ele reconhece que é pecador e precisa realmente mudar de posição, eu vejo sempre a possibilidade do querer ou melhor execer o livre arbítrio colocado pelo criador no ser humano, a coisa mais linda é este ser humano entrar pelo caminho do reconhecimento e ser transformado pelo poder da palavra de Deus, isso Jesus afirma que certa vez quando indagado que vós já estais limpos pelo poder da palavra que Ele ensinou.
Quero dizer o Evangelho de Jesus Cristo é suficiente para a obra redentora, e pela ação do Espírito Santo, que age no intímo de alguém convencendo e que precisa valorizar esta palavra, atendendo o GRITO do profeta Isaías na capítulo 53 apartir do versícluo de numero um, dizendo Quem deu crédito a nossa pregação e a quem foi estido o braço do Senhor, quero aqui dizer a voce que esta lendo este artigo agora e ainda não sabe onde tu vais passar a eternidade, o caminho é Cristo Ele mesmo disse "Eu Sou o Caminho ea Vida, ninguém vai ao Pai a não ser por Mim, resolvi escrer este artigo porque julgo ser necessário deixar aqui esta informação, uma vez que fui chamdo para fazer a diferença. no amor de Cristo

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

CPAD – EBD 2012 – 4º trimestre: Naum e o limite tolerância divina


Quem era Naum?

O nome Naum significa “consolo”, cujo ministério profético apresentaria a consolação do Senhor aos judeus de Judá.

Pouco se sabe acerca de Naum, exceto que talvez esteja na lista genealógica apresentada pelo evangelista Lucas, e que sua cidade natal era Elcos – de localização incerta, provavelmente seria Cafarnaum, pois em árabe “Kefr-Nahum” significa “cidade de Naum”.

De acordo com dados históricos apresentados no livro, cogita-se que o profeta tenha vivido durante o reinado de Josias e tenha sido contemporâneo de Sofonias e Jeremias, então um jovem.

O livro

O livro contém a visão de Naum. Apresenta a natureza de Deus. Revela de maneira magnífica uma extraordinária descrição do caráter de Deus, em especial no capítulo 1, versículos 2 ao 8.

O estilo literário do livro é poético e profético, uma mescla de expressiva descrição simbólica com a contundente e clara sinceridade da declaração profética. A data do livro é calculada de acordo com as evidências internas e fatos históricos conhecidos. Existem duas datas fixas entre as quais o livro deve ser situado. A primeira referência é a captura de Nõ Tebas, capital do alto Egito (3.8), que caiu perante os assírios entre os anos de 663 e 661 a.C. A segunda é quando Naum prediz a condenação iminente de Nínive (2.1; 3.14, 19). Portanto a obra tem de se situar em algum momento entre essa data e a subsequente queda de Nínive, em 612 a.C.

Naum escreveu anunciando a futura queda de Nínive, que no século VII a.C dominava Israel e quase todo o Oriente.

O ministério de Naum

Em data anterior à ministração profética de Naum, o profeta Jonas proclamou a destruição de Nínive (Jonas 3.4), quando os ninivitas se arrependeram e a condenação divina foi suspensa. Mas, após receberem a misericórdia divina, Nínive voltou a praticar iniquidade, desumanidade e soberba.
A Assíria já havia destruído Samaria, por volta de 722-721 a.C., o que resultou no cativeiro do Reino do Norte, Israel, e ameaçava Judá.

Por volta de 700 a.C, Senaqueribe, rei da Assíria, fez de Nínive a capital do império assírio e a cidade permaneceu assim até ser destruída, por este motivo Naum refere-se à Nínive representando-a como toda a nação Assíria.
 

O comandante do rei da Assíria, Senaqueribe, desafiara o poder do Deus de Ezequias. Este é um dos motivos de Naum ser levantado por Deus profetizando contra Nínive. A profecia em 1.11-14 tem seu cumprimento registrado detalhadamente em 2 Reis 18.35; 19.37. 


O ministério de Naum tinha duplo propósito: predizer a destruição de Nínive, por causa de seus pecados, e diminuir a lastimável falta de esperança de Judá, demonstrando-lhes que as promessas de Deus são verdadeiras.

O erro de Judá

A primeira derrota dos judeus para os assírios foi a queda de Samaria (722-721 a.C), e do Reino do Norte em 701, a invasão de Senaqueribe (2 Reis 18.13 – 19.37; Isaías 36, 37 - que não foi uma investida totalmente bem sucedida). Deus nunca permitiu uma vitória bem consolidada dos assírios contra os judeus. Mas, Judá sentia falta de uma resposta segura a suas perguntas, e um desconsolo muito grande predominava na terra. De súbito a voz de Naum trovejou: “Nínive cairá. Deus preservará o seu povo”.

A mensagem de juízo que Naum entregou para Nínive foi profética para Judá. Judá mostrara-se infiel ao desconfiar de Deus e entrar em aliança com nações estrangeiras com a intenção que essas alianças aumentassem seu poderio. A condenação de Nínive lhe serviu de aviso divino.

O erro dos ninivitas

A Assíria era uma nação perversa que oprimia o povo de Deus. Era conhecida por viver à custa da pilhagem de outras nações. Seus reis eram retratados alegrando-se com os castigos sanguinários aplicados aos povos conquistados. O rei assírio Samaneser III orgulhava-se de ter levantado uma montanha de cadáveres com cabeças decapitadas em frente de uma cidade inimiga. Outros reis assírios empilhavam cadáveres, como se fossem lenhas, nas proximidades dos povos derrotados.

A Assíria cometia inúmeras atrocidades contra as nações que invadia: amputações, empalações, decapitações, incêndios. Cobrava tributos opressivos e infligia com pesada escravidão os povos conquistados.

Os assírios eram brutos e cruéis. Conduziam suas guerras com ferocidade aterrorizante, arraigavam populações inteiras como política nacional e as deportavam para outras partes de seu império. Os líderes derrotados eram torturados e horrivelmente mutilados antes de ser executados (3.3).

Por ter pecado desconsiderando a Deus, quanto à mensagem entregue por Jonas, a Assíria seria completamente destruída.

Semeadura e colheita

 O auge da brutalidade dos ninivitas ocorreu durante o reinado de Assurbanipal, o último grande governante do império assírio (669-627), que subjugou o Egito e a quem o rei Manassés foi obrigado submeter-se como vassalo ( 2 Crônicas 33.11-13). O julgamento de Deus se cumpriu de maneira terrível, depois da morte deste rei, influência e o poder da Assíria entraram em declínio até ser destruída em 612 a.C.. O capítulo 2, versículos 1, 6, 9, trata de Ciaxares, comandante dos medos, e de Nabopolassar, o babilônio, que conquistaram Nínive. Os babilônios, citas e medos invadiram, saquearam e destruíram a cidade até não sobrar coisa alguma. A Assíria havia feito o mesmo com todos os países que capturara.

Nínive era uma cidade construída junto a três rios, o Tigre e rios menores, e se abastecia das águas deles por meio de canalizações que se estendiam ao redor e dentro de seu território. As entradas dos canais fluviais foram tomadas, as comportas foram estrategicamente fechadas e abertas pelos inimigos e as águas inundaram toda a cidade a ponto de ruir até o palácio real e outras construções mais baixas da cidade.
A invasão da Assíria contra Judá, durante o reinado de Manassés, foi o último ataque que esta nação pagã realizou.

Arqueologia

As muralhas de Assíria tinham aproximadamente 13 km de comprimento e 15 portões. Certo historiador da antiguidade, autor de Crônicas da Babilônia, narra um episódio em que uma grande inundação derrubou parte dessa muralha, por onde podemos aceitar a hipótese de que tenha sido o caminho de entrada dos medos, babilônios e citas. Este livro confirma o cumprimento da profecia de Naum, dizendo que os corações dos outrora insolentes e poderosos ninivitas se paralisaram ao haver grande quantidade de bens despojados.

Uma das peças arqueológicas da Assíria contém uma frase do rei Assurbanipal, na qual ele narra o tratamento dispensado a um líder vencido: “Coloquei nele uma corrente de cachorro e o obriguei a ocupar um canil no portão leste d Nínive” (Bíblia de Estudo NVI, página 1.553). 

A história confirma que o então rei da Assíria morreu queimado dentro de seu palácio durante a invasão ocorrida em 612 a.C. Também, que o exército assírio dispersou-se sobre as montanhas da Arménia em 609 a.C., e que os soldados foram aniquilados por completo em 605 a.C..

No capítulo 3 e verso 11, Naum aponta para o fim e sumiço de Nínive. “se esconderás". Durante muitos séculos a localização de Nínive permaneceu desconhecida e a sua história considerada apenas uma lenda até que fosse redescoberta no século XIX d.C., mais exatamente por Layard e Botta em 1.842. Tal achado arqueológico revelou, confirmando a profecia de Naum, que o fogo contribuiu para a destruição da cidade. 

Conclusão

A mensagem de Naum é pertinente para todas as épocas. Avisa que a justiça divina não suporta a vigência do poder humano que se assenta no orgulho. Fala aos que resistem a Deus, aos que são arrogantes, para quem despreza a Sua Palavra e deixam de confiar que Ele proverá e cuidará deles. Estes, inevitavelmente, experimentarão o juízo divino.

Quem confia em Deus será resgatado da vergonha e salvo da perdição eterna.

E.A.G.
_________

Compilações:

A Bíblia Anotada Expandida - Charles C. Ryrie; edição 2007; São Paulo; Editora Mundo Cristão.
Bíblia Almeida Século 21; edição 2008; São Paulo; Editora Vida Nova / Hagnos.
Bíblia de Estudo NVI; edição 2003; São Paulo; Editora Vida.
Os Doze Profetas Menores; Alexandre Coelho e Silas Daniel; 2012; Rio de Janeiro; CPAD.

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

CPAD - EDB 2012 - 4º trimestre - Amós e a justiça social como parte da adoração a Deus



Quem foi Amós?

O nome Amós significa carga ou carregador.

Amós era um simples camponês de Judá, homem rústico originário de Tecoa, região situada, aproximadamente, a 17 quilômetros ao sul de Jerusalém. Era boiadeiro e cultivava sicômoros, isto é, figos silvestres (7.14). Deixou o campo para profetizar ao norte de Betel, no centro religioso, focando as dez tribos do norte.

Num cenário religioso e social de total descaso com as coisas de Deus, Amós exerceu seu ministério durante os reinados de Uzias, rei de Judá e de Jeroboão II, filho de Joás, rei de Israel. De acordo com a tradição judaico-cristã, esse rei obteve muitas vitórias contra seus vizinhos hostis, e com isso obteve o controle das rotas comerciais que levavam à Samaria. O profeta viveu dias de grande prosperidade no Reino do Norte. Majestosos prédios estavam erguidos, os ricos moravam em residências espaçosas e próximas aos centros litúrgicos populares.

Pela perspectiva humana, Amós não era a pessoa melhor indicava para falar a classe dominante e sofisticada de Israel. Não estudou na escola de profetas; era um "leigo na igreja"; não era acostumado com os trabalhos da liderança e nem de administração dos sacrifícios e leis cerimoniais descritos no Pentateuco.

Amós foi contemporâneo dos profetas Oseias, Jonas e Miqueias. Suas profecias anunciaram a queda do Reino do Norte, por este motivo os sacerdotes o acusaram de traidor e o expulsaram de Israel.

A missão de Amós

O discurso de Amós não era sofisticado, porém era um ataque consistente às instituições de Israel, um confronto aos descasos que assolavam os fundamentos sociais, morais e espirituais da nação.

Em sua linguagem pouco ortodoxa chamou as mulheres da cidade de "vacas de Basã" (4.1). Elas viviam em luxo extremo, pensavam apenas em seu prazer e não nos oprimidos dos quais seu bem-estar dependiam. De maneira muito clara Amós anunciou o castigo divino que receberiam. O cruel exército assírio, que mais tarde capturou Israel e o levou para o exílio, construiu monumentos que mostravam seus prisioneiros sendo arrastados com ganchos em suas bocas.

Na geração de Amós, havia baixa condição moral e espiritual, o povo oferecia o seu culto a Jeová e ao mesmo tempo sujava as mãos praticando injustiças e participando de cultos a deuses estranhos. Todo o sistema político, religioso, social e jurídico estava corrompido. A iniquidade era praticada através do uso do luxo extravagante, prostituição cultual e idolatria. O profeta combateu esse quadro deteriorado, sua mensagem era contra a idolatria, denunciou as injustiças sociais, condenou a violência, profetizou o castigo para os pecadores contumazes, a cobrança indevida de taxas e a malversação dos impostos no culto aos falsos deuses.

Amós alertou sobre o esquecimento da prática da lei do penhor (Êxodo 22.26-27; Deuteronômio 24.6-17). Sofreu enorme oposição do sacerdote Amazias, que era alinhado politicamente ao rei Jeroboão II (7.10-16). Foi contra as injustiças sociais e contra toda sorte de desonestidade que pervertia o direito das viúvas, dos órfãos e dos necessitados. Também falou sobre o futuro glorioso de Israel. (2.6-8; 5.10-12; 8.4-6).

O livro de Amós

O estilo literário de Amós é simples e pitoresco, possui muitas metáforas chocantes:
a - A fadiga da misericórdia de Deus para com os pecadores contumazes é comparada a um carro sobrecarregado (2.13);
b - A pressão do dever do profeta é comparado ao rugir do leão (3.8);
c - O escape difícil do remanescente de Israel é comparado ao pastor que tira uma ovelha mutilada da boca do leão (3.12);
d - A escassez da Palavra de Deus é comparada a um homem no mundo natural (8.11-12).

O livro de Amós pode ser dividido em duas partes: os oráculos provenientes pela palavra (1-6) e pelas visões (7-9). Aborda a relação das nações com Israel e seu Deus. Esclarece que a soberania do Senhor não está limitada aos judeus, mas se estende aos gentios. Diz que o Criador controla a história e o destino das nações (Amós 9.7).

A mensagem profética do ministério de Amós nos ensina que praticar a justiça social faz parte da adoração a Deus. Sua mensagem é atual e abrangente, aborda a vida social, política e religiosa do povo de Deus. É conhecido como o livro da justiça de Deus e mostra aos religiosos a necessidade de se incluir na adoração dois elementos importantes e há muito esquecidos: justiça e retidão.

O livro de Amós é citado no Novo Testamento. Compare Amós 5.25-26 com Atos 7.42-42; e, Amós 9.11-12 com Atos 15.16-18.

A verdadeira adoração

Os israelitas fizeram pouco caso daquilo que a própria Lei de Moisés ordenava. Em lugar de ser um exemplo para as nações, os pecados de Israel excedeu aos dos gentios. Amós deixou claro que o Reino do Norte, ainda que orgulhoso de sua história e recentes sucessos, era ofensivo ao Senhor. Por isso Deus ficou irado com o seu povo. O descaso com as coisas de Deus produz consequências sérias

A prostituição era parte integrante de cultos pagãos, os israelitas afastavam-se de Deus entregando seus corpos à devassidão religiosa. "Um homem e seu pai coabitavam com a mesma jovem e, assim, profanam o meu santo nome" - Amós 2.7 (ARA).

Amós denuncia a adoração sem conversão, o arrependimento sem sinceridade. Aborda a questão de estar envolvido em liturgias bonitas, rituais externos e cerimônias formais sem comprometimento com a vontade de Deus.

Os israelitas ofereciam sacrifícios de manjares e ofertas pacíficas, entoavam cânticos, mas não eram verdadeiramente convertidos ao Senhor. A genuína adoração a Deus é interna, é possuir devoção reverente, honrar ao Senhor de maneira individual e pública, ter o espírito quebrantado e o coração contrito (Salmo 51.17).

Vivemos num tempo de corrupção na política e grandes injustiças sociais. Pessoas sem temor de Deus e amor ao próximo buscam intensamente os seus próprios interesses. É nossa responsabilidade pessoal lutar por uma sociedade mais justa. Tal senso de justiça expressa o pensamento da lei e dos profetas e é parte do grande mandamento da fé cristã (Mateus 22.35-40).

Conclusão

O livro de Amós nos mostra que Deus usa quem Ele quer, que às vezes faz uso de pessoas que estão fora dos padrões convencionados como aceitáveis, gente sem nenhum compromisso com as regras cerimoniais que regem a religião formal.

Um dos pilares da verdadeira religião é a preocupação e ação de auxílio para com os "orfãos e as viúvas" (Tiago 1.27).

E.A.G.

_________

Compilações:

Bíblia de Referência Thompson, edição 2007 (Editora Vida);
Lições Bíblicas, 4º trimestre 2012, Os Doze Profetas Menores - Mestre, Esequias Soares (CPAD);
Conciso Dicionário Bíblico Ilustrado - S. L. Wathson e D. Ana, apêndide da Bíblia Sagrada, edição 1982 (JUERP/ Imprensa Bíblica Brasileira);
Ensinador Cristão, ano 13, nº 52 (CPAD);
Os Doze Profetas Menores, 1ª edição, 2012, Alexandre Coelho e Silas Daniel (CPAD).

domingo, 14 de outubro de 2012

DE DEUS NÃO SE ZOMBA



Na Bíblia está escrito: "Não
vos enganeis, de Deus não se zomba,
pois tudo o que o homem semear,
isto também ceifará"
.  (Gálatas 6:7)

JOHN LENNONAo dar uma entrevista a uma revista americana, disse: "O cristianismo vai se acabar, vai se encolher, desaparecer. Eu não preciso discutir sobre isso. Eu estou certo. Jesus era legal, mas suas disciplinas são muito simples. Hoje, nós somos mais populares que Jesus Cristo.(1966)"

Lennon foi baleado por um dos seus fãs.

TANCREDO NEVES
Na ocasião da campanha presidencial, disse que se tivesse 500 votos do seu partido (PDS), nem Deus o tiraria da presidência da república.

Os votos ele conseguiu, mas o trono lhe foi tirado um dia antes de tomar posse. 

BRIZOLA
No ano de 1990, na campanha presidencial, disse que aceitava até o apoio do demônio para se tornar presidente.

A campanha, quando acabou, apontou Collor como presidente e não mostrou Brizola nem em segundo lugar. 

O CONSTRUTOR DO NAVIO TITANIC
O construtor do maior navio de passageiros de sua época, no dia de lançá-lo ao mar, respondeu o seguinte, para uma repórter que lhe perguntou a respeito da segurança do navio: "Minha filha, nem Deus afunda este navio".

O Titanic afundou após bater num iceberg, matando centenas de passageiros. Foi o maior naufrágio de um navio de passageiros no mundo. 


MARILYN MONROE
Foi visitada por Billy Graham durante a apresentação de um show. Ele, um pregador do Evangelho, na época havia sido mandado pelo Espírito Santo àquele lugar, para pregar a Marilyn. Porém ela, depois de ouvir a mensagem do Evangelho, disse: "Não preciso do seu Jesus."

Uma semana depois foi encontrada morta em seu apartamento. 


BON SCOTE
Ex-vocalista do conjunto AC/DC. Cantava no ano de 1979 uma música com a seguinte frase: "Don´t stop me, I´m going down all the way, wow the highway to hell" (Não me impeça... Vou seguir o caminho até o fim, na auto-estrada para o inferno).

No dia 19 de fevereiro de 1980, Bon Scote foi encontrado morto, asfixiado pelo próprio vômito. 


OutrosCerta jovem estava saindo com seus amigos para um final de semana na praia. Sua mãe, preocupada com a excessiva empolgação dos jovens, disse-lhe: "Vai com Deus, minha filha". A moça, com ironia, respondeu: "Só se Ele for no porta-malas, mãe, pois no carro não cabe mais nada". E saíram rindo.

Na viagem de ida, envolveram-se num grave acidente. Todos morreram, porém, nada do que estava no porta-malas sofreu qualquer dano. Nem mesmo um só ovo se quebrou na caixa de ovos que eles estavam levando.
Autor desconhecido.

O Código da Bíblia



O assunto do "Código da Bíblia" já circula há vários meses. Quase todas as grandes revistas noticiaram a "descoberta". O código foi vendido como sensação e o livro escrito a respeito tornou-se um bestseller.

O matemático israelense Eliyahu Rips e o jornalista americano Michael Drosnin estão convictos de que é possível decifrar o código da Bíblia por meio de operações matemáticas por computador. Segundo os autores, no código estariam previstos o Holocausto, a morte de Rabin, a presidência de Bill Clinton, entre outros acontecimentos.

Nesse meio tempo, porém, também se ouviram vozes pessimistas questionando ou rejeitando o código.

Vários especialistas o classificaram simplesmente como bobagem e acrobacia numérica.

A Sociedade Bíblica Alemã tomou posição em uma reportagem intitulada "Deus não fala por códigos" e conclamou a uma avaliação sóbria.

A revista "Bibel Report" afirmou que, com talento para combinar as letras de diferentes maneiras, pode-se encontrar praticamente todos os acontecimentos importantes.

O procedimento seria semelhante à leitura do destino em formas surgidas do endurecimento de chumbo derretido ou à adivinhação através da leitura da borra de café.

De acordo com a Sociedade Bíblica Alemã, é difícil acreditar que Deus tenha falado a Seu povo de forma codificada durante 3.000 anos, e que tiveram de aparecer os senhores Rips e Drosnin (que nem são crentes no sentido bíblico) para descobrir o que Ele de fato queria dizer.
Alguns crentes mencionam a passagem de Daniel 12.4 e pensam que, com o código da Bíblia, essa época agora tenha chegado: "Tu, porém, Daniel, encerra as palavras e sela o livro, até ao tempo do fim; muitos o esquadrinharão, e o saber se multiplicará".

Evidentemente essa passagem não se refere a um código bíblico secreto, mas ao aumento do conhecimento sobre aquilo que já está escrito na Bíblia.

O contexto geral de Daniel 12 leva a concluir que esta passagem trata do tempo do fim, quando mais e mais pessoas chegarão ao conhecimento da verdade em Jesus e converter-se-ão. E isto realmente está acontecendo hoje em dia.

Caso os senhores Drosnin e Rips tivessem razão, nenhum cristão que crê na Bíblia poderia lê-la sem idéias pré-concebidas.

Teríamos de esperar pelas interpretações desses ou de outros "decifradores de códigos bíblicos" para poder predizer acontecimentos futuros. Fica a impressão de que através da tese do "Código da Bíblia" a Palavra de Deus torna-se mais morta do que realmente digna de crédito. Um artigo do boletim "Topic" (12/97) dizia: revelações segundo o método do "Código da Bíblia" também acontecem fora da Bíblia.
Seguindo o método do "Código da Bíblia", o matemático australiano Brendan McKay trabalhou com o romance "Moby Dick". Ele chegou aos mesmos resultados "sensacionais" como Michael Drosnin, o autor do livro "O Código da Bíblia". McKay encontrou dados apropriados para acontecimentos como o assassinato de Indira Ghandi, de Martin Luther King, de Yitzhak Rabin e até do trágico acidente de Lady Diana. Não se deve esquecer de que no hebraico não existem vogais. Isso significa que as sílabas são ambíguas e, além disso, as palavras são mais curtas.

Dessa maneira, as chances de se encontrar codificações que fazem sentido são muito superiores do que no inglês ou em outros idiomas. Apesar disso, o romance inglês "Moby Dick" (de 1851) já "previu" todos esses acontecimentos terríveis. McKay também realizou cálculos em relação ao nome de Michael Drosnin. Bem próximo ao nome, o matemático australiano encontrou a palavra "liar" – "mentiroso", assim como algumas referências à morte do autor do livro "O Código da Bíblia".
A Bíblia é a Palavra de Deus! Nela é descrito o passado, o presente e o futuro, e o que é mais importante: a fé absolutamente necessária em Jesus Cristo. Para compreender isso não necessitamos de nenhum "Código da Bíblia" especial, mas sim do novo nascimento e da orientação do Espírito Santo. Jesus disse em João 3.3: "...se alguém não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus." E em 1 Coríntios 2.10-12 lemos: "Mas Deus no-lo revelou pelo Espírito; porque o Espírito a todas as coisas perscruta, até mesmo as profundezas de Deus. Porque qual dos homens sabe as coisas do homem, senão o seu próprio espírito que nele está? Assim, também as coisas de Deus ninguém as conhece, senão o Espírito de Deus. Ora, nós não temos recebido o espírito do mundo, e sim o Espírito que vem de Deus, para que conheçamos o que por Deus nos foi dado gratuitamente."

CARINHO É BOM INVESTIMENTO


Havia uma pequena aldeia onde não existia dinheiro. Tudo o que as pessoas precisavam para viver feliz elas obtinham trocando CARINHO umas com as outras, simbolizado por um floquinho de algodão.

Era comum as pessoas darem seus floquinhos sem querer nada em troca, pois sabiam que receberiam outros num outro momento, outro dia.

Uma bruxa, que vivia fora da aldeia, convenceu um garoto a não mais dar seus floquinhos. Desta forma ele seria a pessoa mais rica da cidade e teria tudo o que quisesse. Iludido pelas palavras da malvada, o menino, que era uma das pessoas mais populares e queridas da aldeia, passou a juntar seus floquinhos e em pouquíssimo tempo sua casa estava repleta deles, ficando até difícil de se mexer ali.

Quando se deu conta, a cidade já não tinha mais CARINHO. E em seu lugar apareceram coisas ruins como a GANÂNCIA, ROUBO, ÓDIO, XINGAMENTO, INDIFERENÇA.

O menino foi o primeiro a sentir-se TRISTE e SOZINHO e foi procurar a velha para dizer-lhe umas boas, mas não a encontrou. Disposto a reparar o mal, pegou uma grande carriola, colocou todos os seus floquinhos nela e caminhou pela cidade disposto a distribuí-lo graciosamente a todos. Mas as pessoas não recebiam CARINHO a tanto tempo que o olhavam com DESCONFIANÇA.

Por fim, conseguiu distribuir todos eles, mas não recebeu nenhum de volta e ficou um dúvida se tinha feito a coisa certa. Foi quando a ESPERANÇA apareceu e disse-lhe que continuasse até que todos voltassem a se lembrar da importância de dar e receber CARINHO. Ao que ele respondeu: - Não tenho mais CARINHO para dar, minha carriola está vazia.

Tem sim, disse-lhe a ESPERANÇA, sua carriola pode estar vazia, mas seu coração, com certeza, está cheio.

- É verdade, disse o menino, já não me sinto mais triste e sozinho, que mistério é esse?

- Ao distribuir CARINHO, você estava semeando uma boa semente, e todos o que semeiam uma semente tão boa como esta, certamente colherão em abundância.



Aquilo que o homem semear, isso também ceifará.
Gálatas 6.7








fonte sitedopastor.com.br

quinta-feira, 11 de outubro de 2012

COMO POSSO DIZER QUE DEPENDO SÓ DE MIM!

QUANDO ESTAMOS ATRAVESSANDO POR CIRCUNSTÂNCIA ADVERSAS É NORMAL, CHEGARMOS AO PONTO DE PENSAR QUE TUDO DEPENDE DE NOSSO ESFORÇO, MAS QUANDO PARAMOS PARA REFLETIR ENCONTRAMOS A VERDADE ENTÃO QUE VEM CONTRARIANDO TODO A NOSSA LINHA DE RACIOCÍNIO NOS FAZENDO ENXERGAR, QUE ESTAMOS TOTALMENTE ERRADOS E QUE PRECISAMOS RECONHECER, O ERRO E MUDAR O RUMO; VIRANDO A ROTA DE NOSSA VIDA E VIVENCIANDO O PROJETO ORIGINAL QUE O TODO PODEROSO DEUS ESCREVEU PARA NÓS, VIVER DISSOLUTAMENTE A VÃ MANEIRA DE VIVER NÃO NOS LEVARÁ A LUGAR NENHUM, É HORA DE VOLTAR AO INÍCIO DE TUDO PORQUE O QUE NOS FORMOU SABE COMO TRABALHAR EM NÓS PARA QUE CHEGAMOS AO FINAL DE TUDO PERTO DA PERFEIÇÃO PREPARADA POR DEUS PARA VIVERMOS, CREIA AFINAL NÃO TEM COMO ANDAR POR AI, DIZENDO QUE SÓ DEPENDEMOS DE NÓS ISSO NÃO É VERDADE FOI INCURTIDO PELO INIMIGO DE SUA ALMA PARA PENSAR ASSIM, OLHE PARA O ESPELHO E VEJA QUAL É A SUA IMAGEM COM QUE VOCÊ SE PARECE, SOMOS FEITOS IMAGEM E SEMELHANÇA DO TODO PODEROSO DEUS ELE NOS FORMOU COM UM PROPÓSITO PARA ADORA-LO A TODO INSTANTE SE APRESENTE AGORA A ESSE DEUS QUE TUDO PODE E QUE TE CHAMA DE FILHO, SOMOS HERDEIROS DELE ATRAVEZ DE JESUS SEU SACRIFICIO E SUFICIENTE PARA NOS REMIR E NOS LIMPAR DE TODAS AS NOSSAS TRANGRESSÕES, NOS AMA E NOS FORTALECE PARA QUE ESTEJAMOS DIANTE DELE COM UM CORAÇÃO QUEBRANTANDO E BUSCANDO UM ESPÍRITO RETO (SL51.10), VAMOS RENDER GRAÇAS AO SEU NOME E CANTAR LOUVORES EM ADORAÇÃO PORQUE É MERECEDOR DE TODO LOUVOR. 

domingo, 30 de setembro de 2012

Cheirar a Bíblia, como se fosse cocaína, é mais que profanação




Interessante como tem gente achando bonita a atitude de um pregador que cheirou a Bíblia como se fosse cocaína. O autor dessa façanha está sendo considerado uma grande celebridade gospel, alguém que tem a coragem de quebrar paradigmas!

Que maravilha! Creio que o próximo "ato exemplar" do tal pregador (pregador?) será o de cortar uma Bíblia em várias partes e "fumar" cada pedacinho em um cachimbo, como se fossem pedras de crack. Meu Deus, o teu povo perece por falta de conhecimento!
Alguém argumentará: "Isso é ótimo, pois atrai a juventude perdida, afundada nas drogas". Pois é... Esse é o problema. Apresentamos um "evangelho pop", um "evangelho louco", um "evangelho extravagante", à juventude do mundo. E formaremos "cristãos pop", "evangélicos loucos", "adoradores extravagantes". Devemos, então, agir como os religiosos dos tempos em que o Mestre andou na terra? Em razão de eles apresentarem uma mensagem falsa, porém atraente, tornavam os perdidos duplamente réus do Inferno.

Ora, temos de pregar a verdade como ela é e apresentar Jesus como Ele é. O Senhor, que não obriga ninguém a segui-lo, afirmou: "Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, tome cada dia a sua cruz, e siga-me" (Lc 9.23). A porta para a salvação em Cristo é estreita, e o seu caminho não é largo (Mt 7.13,14). Jesus ofereceu facilidades ao jovem rico que queria segui-lo? Não. Disse a ele que deveria guardar os mandamentos e deixar tudo o que tinha.
Eu até entendo que haja a necessidade de fazer alguma contextualização na pregação do Evangelho, a fim de alcançarmos jovens e adolescentes. Mas tudo tem limite. Cheirar a Bíblia, como se fosse droga, é uma profanação, uma sandice, um despropósito, uma agressão ao Evangelho. Até o apresentador Datena achou aberrante a foto em apreço e disse, em seu programa de TV: "[Cheirar a Bíblia, como se fosse cocaína] é uma profanação da Palavra de Deus. Se o cara faz isso com o Alcorão, degolam o cara".

Mas cheirar a Bíblia, como se fosse cocaína, é mais do que profanação. É uma atitude blasfema. E, para quem conhece um pouco de propaganda subliminar multimídia, a imagem acima é dúbia e também faz apologia ao uso de drogas, de modo subjetivo. Ela sugere, subliminarmente, que ler a Bíblia é tão bom quanto cheirar cocaína.
Diante do exposto, pregar um evangelho-show, contextualizado ao extremo, com "visual descolado", cheirando Bíblia como se fosse cocaína, é fácil. Mas Deus procurapregadores que têm coragem de pregar o Evangelho puro e simples, o qual confronta o pecado e incomoda o pecador.

Fonte: Ciro Zibordi | Divulgação: Midia Gospel

sábado, 29 de setembro de 2012

Seminário Família Projeto Santo

                                                 Pra. MARIA INEZ e Pastor Geremias Santos


                                       Seminário Família 





Pr. Geremias Santos e Missionária Gessi

A 5a I.E.Q de Apucarana foi tremendamente abençoada com 3 noites
de poder, através do seminário da família, onde JESUS, curou, restaurou, e abençoou lares

Eu louvo ao Senhor por este casal usado nas mãos do Pai


Pra. MARIA INEZ.

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Não é facil viver sem Deus

Desde os tempos primórdios pensa-se viver da melhor maneira possível, mas através da bíblia nosso mapa viajor nos leva a meditar em algo de suma importância  que para se viver uma vida estável temos alguns requisitos a seguir, e para se ter longevidade em primeiro lugar temos que honrar pai e mãe, para que tudo nos vá bem, ta escrito.
Crendo nisso é que peguei este sentimento de orientar alguns leitores que precisam saber disso, viver sem orientação de Deus e de sua palavra não dá pra nós, temos que meditar nela dia e noite porque seremos bem aventurados diz o Salmo de nº 01, ter prazer e meditar dia e noite é um privilégio daqueles que realmente crêem que a bíblia é a palavra de Deus, por isso digo Viver sem Deus não é fácil, caro leitor digo por sentimento profundo e com intenção de repassa-lo para vós, direcionado pelo Santo Espírito de Deus, tomei a liberdade de dizer que temos uma enorme chance de sermos felizes se obedecermos a lei do Senhor, porque Ele tem uma vida nova pra vivermos e como diz o apostolo Paulo na carta aos Romanos que depois de conhecermos a Cristo vivamos em novidade de vida, mesmo porque aprendemos que a Fé vem pelo ouvir e ouvir a palavra de Deus.
Então pensando nisso vivamos para Cristo na esperança de Ele voltasse para nós hoje, também uma orientação da Bíblia para que a nossa Fé não desfaleça, mas se renove a cada manhã, por a bíblia diz que basta cada dia o seu próprio mal, uma vez que aceitamos a Cristo como salvador temos o ajudador presente conosco todos os dias, Jesus nos prometeu isso de estar conosco todos os dias até a consumação dos séculos.
Sem Deus já estamos condenados uma vez que ouvimos falar do seu amor, já não somos inocentes, e se permanecemos no pecado e na sua pratica não temos paz com Deus e não temos temos nossos pecados perdoados, a condição para termos os nossos pecados perdoados e viver na luz como Ele na luz está e o seu sangue tem poder de perdoar todos os nossos pecados, está é condição para se obter redenção.
Por isso digo não é fácil viver sem Deus.

sábado, 1 de setembro de 2012

CONHECENDO A DEUS

CONHECER A DEUS REQUER DE NÓS UM TOTAL DESEMPENHO E DEDICAÇÃO PARA CHEGAR-NOS A POSIÇÃO DE VERDADEIRO ADORADORES, POIS QUANDO FALAMOS EM CONHECER A DEUS LEMBRAMOS DO TERMO  USADO NO VELHO TESTAMENTO (YADA) QUE QUER DIZER CUMPLICIDADE NA RELACIONAMENTO ENTREGA TOTAL SEM RESERVA , POR ISSO DIGO QUE CONHECER A DEUS É SABER RESPONDER CORRETAMENTE QUANDO ELE NOS CHAMA COMO O PEQUENO SAMUEL QUE ORIENTADO PELO SACERDOTE, OUVIU PELA TERCEIRA VEZ A VOZ CHAMA-LO E RESPONDEU CORRETAMENTE CONVIDO VOCE TAMBÉM A DESFRUTAR DESSE ENVOLVIMENTO COM AQUELE QUE DEUS SUA VIDA POR AMOR A VOCÊ, TENHA INTIMIDADE COM ELE PELO CONHECIMENTO ATRAVEZ DA PALAVRA, GANHE SABEDORIA ORIENTADO PELO AMIGO DO NOIVO O QUERIDO E AMADO ESPÍRITO SANTO, E SAIBA SEMPRE JESUS TE AMA!

sábado, 9 de junho de 2012

Dias Atuais


Desde os tempos primordio a palavra de Deus vem sendo divulgada atravéz de varios meios de informações exístente na face de terra, muitos que tem esse privilégio os vem usando de uma maneira tanto que a normal, e na desconformidade dos ensinamentos bíblicos, que requerem uma auto avaliação em primeiro passo. Para depois se dizer comunicador, quero dizer aqui de que uma fonte não pode jorrar dois tipos de aguas,  Tiago - 3:12 Meus irmãos, pode também a figueira produzir azeitonas, ou a videira figos? Assim tampouco pode uma fonte dar água salgada e doce.
Há somente um tipo a realidade dos fatos é que certas pessoas usam de argumentos infundados para priorizarem seus interesses particulares  segundo o que esta escrito em 
I Timóteo - 6:5 os vãos conflitos entre homens de coração corrompido e privados da verdade, que só vêem na piedade uma fonte de lucro.
 E deixam de lado o verdadeiro sentido de que foi convocado para transmitir a palavra pura como ela é   e  diz em:  
João - 4:14
Mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede, porque a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que salte para a vida eterna, é e não com desvairios fabricados em suas mentes pertubadas pelo exesso de desejo descontrolado de querer a qualquer custo alcançar uma possição,  
Jeremias - 2:13 Porque meu povo cometeu uma dupla perversidade: abandonou-me, a mim, fonte de água viva, para cavar cisternas, cisternas fendidas que não retêm a água
Sem o minimo de conceito basico para uma vida regimentada na ação gloriosa do Espirito Santo, que é nosso Consolador amado e que nos auxilia sempre que o deixamos agir em nós e atravéz de nós. 
Romanos - 12:2 Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.  
Isaías - 61:1
O ESPÍRITO do Senhor DEUS está sobre mim; porque o SENHOR me ungiu, para pregar boas novas aos mansos; enviou-me a restaurar os contritos de coração, a proclamar liberdade aos cativos, e a abertura de prisão aos preso, o Apostolo Paulo disse a igreja em Coriinto  II Corintios - 1:21 Ora, é Deus que faz que nós e vocês permaneçamos firmes em Cristo. Ele nos ungiu, por isso somos capacitados por um agente conciliador e não intrigador vamos neste obejetivo concretizar o projeto divino em nossas vida como verdadeiros apregadores do Evangelho de Cristo. Em II Timóteo - 2:15 Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade.


SEM LENHA O FOGO SE APAGA



"Sem lenha o fogo se apaga;
e não havendo difamador, cessa a contenda".
Provérbios 26.20.
Este verso bíblico descreve uma grande verdade: se as pessoas pararem de "por lenha na fogueira", a contenda acaba.
Este princípio, o "Princípio da Fogueira", aplica-se também à vida espiritual.

Quando uma pessoa tem uma experiência real com Jesus Cristo, algo como que um fogo de Deus invade o seu coração. Ela se sente revivida, renovada, animada, inspirada, pronta para qualquer desafio. É capaz de vencer antigas barreiras, vícios, problemas.
No entanto, depois de algum tempo, podemos perceber que este fogo se apaga em alguns crentes. O quê houve? Faltou alimentar o fogo de Deus.
O cristão, então, torna-se morno, indiferente, infeliz.
Qual seria o combustível da vida cristã, capaz de manter a chama acesa? O que mantém o fogo de Deus no coração do cristão são certas práticas diárias. Simples, porém, poderosas. Vamos chamá-las de GRAVETOS.
1. O Graveto da Oração
    Orai sem cessar, dizem as Escrituras.
    Mateus 26.41; I Tessalonicenses 5.17; Tiago 5.16.
2. O Graveto da Leitura Bíblica    Examinai as Escrituras, disse Jesus.
    João 5.39; Mateus 22.29; Efésios 6.17.
3. O Graveto da Convivência Cristã
    Não abandonei a vossa congregação, disse o apóstolo.
    Hebreus 10.25; João 13.34-35; Romanos 12.9-17.
4. O Graveto do Testemunho Pessoal
    E sereis minhas testemunhas, disse Jesus.
    Atos 1.8; Mateus 28.19-20; Marcos 16.15-16.    
O cristão bem informado vê a Oração, a Leitura Bíblica, a Convivência Cristã e o Testemunho Pessoal como privilégios, e não como deveres de casa.
Ele sabe que sua oração é ouvida por Deus porque Jesus Cristo morreu numa cruz em seu lugar; que muitos dedicaram suas vidas para que as Escrituras chegassem às suas mãos; que a Convivência Cristã permite-lhe realizar para Deus obras que jamais conseguiria sozinho e que o seu Testemunho Pessoal, além de salvar vidas, contribui para a sua própria edificação e fortalecimento da Igreja.
Irmão, mantenha a chama acesa.
Lembre-se: Sem lenha, o fogo se apaga.

Autor: Pr Franco

segunda-feira, 23 de abril de 2012

EM BUSCA DA VERDADEIRA IDENTIDADE.

Quando Jesus disse: que somos limpo pelo poder da palavra que Ele falou  ensinando; que pela oportunidade nos chega passando pelos séculos e anais da  historia da humanidade temos privilégio de ir ao encontro através da Bíblia Sagrada, que se revela quando a lemos verdadeira revelação e de contexto grandioso e exemplos de homens e mulheres que nos servem de exemplos a seguir, então deste ponto em diante começamos a compreender que o projeto de Deus para nossas vidas vai além do que muita gente imagina . Deus que que nos entregamos sem reservas a Ele, porque então nos dirigirá a eternidade que nos aguarda, seremos levados enquanto aqui viver a confiar inteiramente Nele, não temos que nos preocupar e só confiar e nos acrescentará tudo o que precisarmos para permanecermos fieis até o fim, na bíblia sagrada no livro de Ec. 9:10 Tudo o que te vier a mão pra fazer faça conforme tua força; força esta que Deus mesmo nos dá; ainda neste capitulo vs. 08 diz Que em todo tempo estejam alvos as tuas vestes e nunca falte o óleo sobre tua cabeça; isto nos diz a respeito de fidelidade; que se cumpra em nossas vidas o que diz em Mt. 6: 33 Buscar em primeiro lugar o reino de Deus e sua justiça, nos fala de prioridades sedo então, concluirmos que: se isto estiver guardado em nossos corações teremos a oportunidades, de sermos contemplados por Cristo Jesus, a vivermos em novidade de vida, Você pode acreditar nisso, precisa ter fé inabalável, que Ele também dá ao que nele crê. Eu Creio e por isso sou seu servo seguidor e atalaia,  tudo o que Ele me pedir, estou pronto juntamente com minha família, pra fazer agora e já. Seja você também!    

terça-feira, 10 de abril de 2012

VIDA VITORIOSA

Vida o que é isso, aprendemos que recebemos o espirito de vida da parte de nosso Deus quando formou o homem, ainda no Jardim do Éden, então podemos logo concluir que pretencemos a Ele em todas as formas que nos criou, por isso temos o privilégio que Ele nos deu, para termos vida em abundancia permanecemos na fé inabalavel em Cristo que o autor desta, e nos garante vitoria através do sacrificio da cruz, que ele se sujeitou por amor-nos primeiro motivo pela qual quando exercemos a fé nele estamos exercendo uma função garantida por ele, que não existe condenação pra nós firmados em Cristo com inteireza de coração, voce pode compreender isto, se não é só acreditar Nele pois nos escolhe e ainda nos da força e vigor pra continuar crende que é poderoso infinitamente para nos colocar em condições especiais para sermos salvos por Ele. Creia e veras a gloria de Deus descer sobre ti de uma maneira sobrenatural. Deus te abençõe e te guarde por onde quer que andares nesta vida e te dê a paz, porque Ele pode dar porque é o Principe pa PAZ.

quarta-feira, 7 de março de 2012

DA TRISTEZA PARA A ALEGRIA

João 14:11 E Jesus ouvindo isto disse; esta enfermidade não é para a morte, mas sim para a Glória de Deus para que o filho de Deus seja glorificado por ela. tudo o que construímos temos fé para alcançar os objetivos traçados pra concluir o projeto.
mas em meio o caminho encontramos muitos obstáculos e vencemos-os pela fé. Mas pelo peso da responsabilidade é nos acarretados muitos adereços, pesos, sentimentos, opiniões que vão sobrecarregando a medida que procuramos exercer a fé.
Um sentimento de cansaço vai crescendo dentro de nós fazendo-nos sentir desanimados para abandonar tudo.
Estressados para afastar-nos.
Fé inacessível sem foco.
Dificuldade de compreensão e falta de raciocínio na linha do pensamento que o levará superar tudo
A bíblia diz: Há tempo determinado por Deus para todas as coisas. Ec. 3.1
Motivo este que passamos a entender somente quando temos a luz da palavra de Deus brilhando dentro do nosso entendimento. Eu te convido então a largar tudo por amor Àquele que tudo pode, uma vez que assentamos em nosso coração que a verdade brilha na escuridão dos pensamentos tendo a direção do Amado Espirito Santo portanto sempre, deixe penetrar a luz de Deus em sua vida e seja esclarecido por toda a sua vida. SEJA FELIZ. COM CRISTO JESUS.     

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Centenário das Assembléias de Deus do Brasil



"Desde 1910 Disseminando Bênçãos para o Brasil e o Mundo"

Uma mensagem a todos os membros de Centenário das Assembléias de Deus do Brasil

Tema: Abatidos, Mas Jamais Destruídos
Texto: 2 Corintios 4:8-9
“Em tudo somos atribulados, mas não angustiados; perplexos, mas não desanimados, perseguidos, mas não desamparados, abatidos, mas não destruídos.” II Cor. 4: 8 – 9.
A vida da gente é repleta de emoções e fortes emoções. Vivemos momentos de grande intensidade e conflitos, momentos de contrastes, às vezes, perplexos, mas, às vezes com profunda naturalidade. Vivemos momentos de alegria, mas, também de tristeza. Momentos de riso, mas, também de choro. Momentos de conquistas e momentos de perdas. Momentos de cura e momentos de dor. Alto e baixo, forte e fraco, profundo e raso, grande e pequeno, intenso e suave, a vida nos envolve em emoções que nos faz nos sentir gente, bem humano, vivo - é a força da vida de Deus na vida da gente. Eu, Adão de Santana acho que a vida é um evento inexplicável!
Nos momentos em que somos assaltados na alma pelas tribulações, somos tentados a pensar que Deus se esqueceu da gente, que Ele nos abandonou, nos deixou a própria sorte e de que Ele não se importa conosco.
Mas o Senhor toma a boca do profeta para soltar o grito desesperado aos corações solitários para dizer-lhes: “Eu jamais esqueço dos meus filhos.” – “Sião diz: Já me desamparou o Senhor, e o Senhor se esqueceu de mim. Pode uma mulher esquecer-se do filho que cria, do filho do seu ventre? Mas ainda que esta se esquecesse, Eu, todavia, não me esquecerei de ti.” - Isaias 49: 14 e 15. Aleluia!!!
Saiba disto: “Deus jamais esquece de você.” Deus jamais esquece se de mim. Deus jamais se esquece da gente. Deus não esquece do filho que ama - Você é filho de Deus. “Mas a todos quanto receberam deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome.” Jo. 1: 12.
É assim que a Bíblia diz em I Corintios 10:13, Deus é fiel em Sua Palavra, Ele nos ajudará nos momentos mais difíceis, até a morte se preciso for, como disse o rei Davi: “Ainda que eu passasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque o Senhor está comigo, a tua vara e o teu cajado me consolam.” - Salmo 23. O que nós precisamos compreender é que na vida do crente, ele não tem que entender, ele só tem que aceitar, ele não tem que resistir, ele só tem que deixar. Deixe Deus te levar!
Pois não são os fortes, os talentosos, os que correm melhor que vencem, mas, os persistentes, aqueles que não desistem, aqueles que vão até o fim. Aqueles que tem atitude: vem o que vier, eles continuam. Haja o que houver, eles continuam. Aconteça o que tiver de acontecer, eles seguem em frente. Avançar para eles é uma questão de sobrevivência, parar está fora de cogitação, eles são persistentes, eles tem uma chama na alma: a perseverança.
A perseverança nos faz confiantes na promessa
Existem momentos em nossas vidas em que achamos que não vamos suportar as pressões que insistem em querer nos vencer, nos amedrontar, nos nocautear, então o que devo fazer? Creia que não há nada nesta vida que poderá nos tirar a visão do trono de Deus. Nada! Seja convicto disto: Nada! Nada mesmo!
Ainda que... Ouça isto: “Poderemos ficar abatidos, mas, jamais... Jamais destruídos.”

Fiquem com Deus, amados do Senhor!
Pastor Adão,

Pastor Geremias Santos SEMINÁRIO DA FAMÍLIA PROJETO SANTO: ESTOU CONTIGO NÃO TEMAS

Pastor Geremias Santos SEMINÁRIO DA FAMÍLIA PROJETO SANTO: ESTOU CONTIGO NÃO TEMAS: Jesus disse eis que estarei convosco todos os dias até a consumação dos séculos, isso é uma grande verdade porque posso senti-lo todos os di...

ESTOU CONTIGO NÃO TEMAS

Jesus disse eis que estarei convosco todos os dias até a consumação dos séculos, isso é uma grande verdade porque posso senti-lo todos os dias em minha vida e creio que você também pode senti-lo aí não é como portador da palavra da verdade tenho que dizer que Ele é real, tudo se transforma quando Ele chega, tudo fica mais coerente, porque o todo poderoso Deus está conosco. Não desampara nunca e sempre esta pronto pra nos atender, Ele não é uma forma robótica que você da um comando e faz tudo o que você quer, em tudo Ele age mas essa vontade é condicional temos que estar dentro do plano que Ele construiu pra cada um de nós, você crê nisso é muito forte pra mente humana entender com suas faculdades mentais ativas, mas deus diz não temas Eu estou contigo sempre não te abandono nunca pode o mundo te deixar mas estou contigo sempre. É só deixar eu agir agora e tudo vai mudar.

Campanha de oração 4 dia